Classificação de sites nas buscas pelo algoritmo do Google

Muito se fala em como os mecanismos de buscas classificam um site. A classificação é determinada por um algoritmo criado pela empresa proprietária do buscador. Como todos sabem, o Google é a maior empresa quando se fala em mecanismos de buscas. Ele domina cerca de 92,15% das buscas no brasil.

Projetar um site feito especialmente para os mecanismos de buscas pode ser um pouco perigoso. É seguro se a pessoa o projetar da maneira correta, mas o que vemos por aí é pessoas enchendo os artigos de palavras-chave, tornando a leitura péssima para o usuário, fazendo com que ele não entenda o texto e venha a desistir e ler. A melhor coisa a se fazer é escrever conteúdo para pessoas, sem se preocupar com os mecanismos de buscas. Após terminar de escrever o texto, a pessoa pode fazer uma revisão e verificar se a palavra-chave se encontra nele, pelo menos duas vezes, que até é recomendado pelo Google. Se a palavra se encontra mais vezes no texto, a pessoa pode substituí-las por sinônimos porque os buscadores estão cada vez mais se ajustando a isso, reconhecendo os sinônimos daquelas palavras quando fizemos uma busca.

Pela conta oficial da equipe do Google (https://twitter.com/GoogleWebTeam) podemos obter atualizações sobre as alterações na conduta do Google com relação às buscas, mas mais relacionadas às ferramentas de Webmasters. Alteração no Algoritmo do Google, como os famosos Updates Panda e Penguim, atualizações recentes que foram decisivas pra eliminar das buscas, websites que usam de táticas abusivas para subir nas buscas. Podemos ficar atualizados diretamente pelo twitter do engenheiro do Google Matt Cutts (https://twitter.com/MattCutts).

Siga-me no Facebook

Comments

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *